04.15 - Rua D.Pedro I

Início: Rua Francisco Machado | Término: Rua Delfino José Ludvig, com extensão de 330,0 metros

Rua D.Pedro I

Dom Pedro I

1. Nascido em: 12/10/1798

Cidade: Lisboa, Portugal

Falecido em: 24/09/1834

2. Pai: Dom João VI

Mãe: D. Carlota Joaquina

3. Casado com:

Profissão:

4. Filhos:

4.1   D. Maria II

Rainha de Portugal

4.2   Infante D. Miguel de Bragança

príncipe da Beira(1820)

4.3   Infante D. João Carlos de Bragança

príncipe da Beira (1821-1822)

4.4   D. Januária Maria

princesa imperial do Brasil (1822-1901)

4.5   D. Paula Mariana

4.6   D. Francisca

princesa do Brasil (1824-1898)

4.7   D. Pedro II

imperador do Brasil (1825-1891)

4.8   D. Pedro II do Brasil

4.9   D. Maria Amélia de Bragança

(1831-1853), princesa do Brasil

4.10   D. Isabel Maria de Alcântara Brasileira

(1824-1898), duquesa de Goiás

4.11   D. Pedro de Alcântara Brasileiro

(1825–1826)

4.12   D. Maria Isabel de Alcântara Brasileira

(1827–1828), duquesa do Ceará

4.13   D. Maria Isabel II Alcântara Brasileira

(1830–1896)

4.14   D. Pedro

falecido antes de completar um ano

4.15   D. Rodrigo Delfim Pereira.

4.16   D. Pedro de Alcântara Brasileiro II

4.17   D. Pedro

5. Atividades Profissionais: Aos 22 anos assumiu o governo brasileiro na condição de príncipe regente, agiu como brasileiro visando aos interesses de nosso povo. Demonstrou seu grande amor pelo Brasil, levando-o à proclamar a nossa independência em 7 de setembro de 1822.

6. Atividades Políticas: Foi imperador do Brasil entre 1822 a 1831. D. Pedro foi o principal responsável pela consolidação da independência brasileira, embora tenha tido um governo bastante tumultuado em função das revoltas e conflitos ocorridos no Brasil durante o seu reinado.

7. Homenagens: Rua D. Pedro I. Localizada no bairro Gabiroba.

8. Justificativa: A maior importância de D. Pedro I está no fato de, sendo ele português, ter se negado a voltar a Portugal, quando isso lhe foi exigido e meses depois indo contra os desejos lusitanos, proclamar a Independência do Brasil. Ele ousou tirar o Brasil da condição de colônia para transformá-lo em Metrópole. Foi preciso coragem da parte de D. Pedro para cortar os laços com seus compatriotas. O Brasil, num espaço de trezentos, e tantos anos sofreu o indigno nome de Colônia, sendo explorado em suas riquezas e escamoteado pelo jugo português. Porém, do mesmo modo como um português adentrou nossa terra para apossá-la e maltratar nosso povo, adentrou outro que a amou e a libertou do vil cativeiro. Eis a importância maior de D. Pedro I.

Comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 

 

Realizado por

SDR Ituporanga
Secretária Municipal de Educação Ituporanga

Apoio

Participantes

Colégio Galileu
Seminário São Francisco de Assis
EEB Aleixo Dellagiustina
EEF Mont’ Alverne
EEB  Roberto Moritz
EEB Vereador Paulo França

CEF Pedro Júlio Muller

EEF Prof. João Carlos Thiesen

EEB Presidente Tancredo Neves

CEF Bernardina Farias de Mattos

EEB Tancredo Neves

Sobre

Nossa cidade possui inúmeras ruas e muitas delas os homenageados são totalmente desconhecidos do público, alguns não se sabendo o certo o porquê da homenagem. Esse trabalho poderá ser aproveitado como atividade de história, geografia, Língua Portuguesa, entre outras disciplinas e ao mesmo tempo o seu resultado poderá ser de grande importância, para as escolas como também para o histórico do Município.

Logo CompletaWeb